Exposição de Inês Carrelhas na Estação de Porto - São Bento

2021-06-14

Foi inaugurada no dia 10 de junho, na Torre do Relógio da Estação de São Bento, a exposição “mamaminha” da artista têxtil Inês Carrelhas, que estará patente até ao dia 10 de julho, podendo ser visitada todos os dias entre as 11 e as 21 horas.

Trata-se de uma iniciativa que visa a abertura do hostel à cidade do Porto através da promoção da obra de artistas portugueses. Com esta exposição, Inês Carrelhas pretende sensibilizar o público para temáticas relacionadas com o cancro de mama.

O projeto nasceu em 2018, entre os corredores do Instituto Português de Oncologia (IPO) e a Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa.

'Comecei a forrar os aros dos soutiens, que fui pedindo por aí, enquanto esperava pelas consultas. Chamei-lhe ‘mamaminha’. Resolvi representar 75 mulheres que tinham sofrido desta doença tão comum e com isso ajudar quem tenha necessidades de apoio, dar voz a esta problemática e sobretudo alertar para a prevenção e para o diagnóstico precoce', explica Inês Carrelhas.

Composta por cinco instalações ‘site specific’ de arte têxtil, esta mostra é uma interpretação estética e artística da vivência de um cancro de mama, experienciada pela artista e completada pela participação e testemunhos de mais sete mulheres.

Durante a permanência da exposição no Porto, serão realizados workshops e conversas onde a artista partilhará com outras mulheres, através da arte, uma experiência lúdica e emocional à volta do seu próprio corpo.