XXI CONGRESSO DA ORDEM DOS ENGENHEIROS

Decorre, de 23 a 24 de novembro, em Coimbra, o XXI Congresso da Ordem dos Engenheiros, dedicado ao tema "Engenharia e Transformação Digital".
 
Este Congresso tem o apoio da IP Telecom*, empresa do Grupo Infraestruturas de Portugal, e contou, no dia 23, com as seguintes intervenções: 
 
Presidente da Infraestruturas de Portugal, António Laranjo, sob o tema "Infraestruturas de Futuro", na sessão "Infraestruturas, Cidades e Território";
Diretor-Geral da IP Telecom, Rui Ribeiro, sobre "Transformação Digital do Papel ou de Processos de Negócio?", na sessão "Sistemas e Cibersegurança".
Esta última apresentação focou-se na Transformação Digital, que é muito mais do que a desmaterialização do papel: é um modelo que permite retirar atividades que deixaram de ser necessárias, quer pela evolução do negócio, quer pela existência de tecnologias capazes de automatizar essas atividades, realizadas de forma mais simples e eficaz, reduzindo o custo (já não é só o TCO – Total Cost of Ownership, mas o COGS – Cost of Goods Sold),  sempre com o objetivo de acelerar o negócio.
 
O Congresso decorre cerca de um ano e meio após o anúncio, pela Comissão Europeia, de um conjunto de medidas de potenciação da competitividade da economia em todos os setores, independentemente da dimensão das empresas, estimulando o pleno aproveitamento das tecnologias digitais.
 
A temática do Congresso reveste-se, ainda, de atualidade acrescida pelo recente lançamento público do programa nacional Indústria 4.0, que promoverá a criação de start-ups e spin-offs empresariais e universitárias e que servirá o objetivo de potenciar os níveis de interconetividade e controlo de toda a cadeia de valor dos produtos, proporcionando a geração de maior valor acrescentado.
 
As reflexões e debates a promover durante o XXI Congresso terão como linha condutora:
 
os universos relacionados com a investigação científica e a inovação;
  • a estratégia europeia para o mercado único digital;
  • a Engenharia e competitividade;
  • o estado da utilização das tecnologias digitais em Portugal.
  •  
Mais informação aqui
 
 
*A IP Telecom é um operador nacional de telecomunicações, licenciado pela Anacom, parceiro das forças armadas portuguesas ao nível da ciberdefesa e cibersegurança, além de garantir a sua própria infraestrutura nacional – rodoviária e ferroviária. A sua infraestrutura de sistemas de informação é certificada ISO 27001/2013, padrão e referência Internacional para a gestão da Segurança da Informação.